fbpx

Padre é intimidado pela máfia na Itália

Na missa de sábado (24), o padre Felice Palamara, do município italiano de Cessaniti, província de Vibo Valentia, foi mais uma vez vítima de um ato hostil vindo da ‘Ndrangheta, uma organização criminosa na Itália que opera principalmente em Calábria.

Durante a celebração eucarística, o padre pertencente à diocese de Tropea-Mileto-Nicotera notou um cheiro estranho vindo do cálice: água sanitária havia sido derramada nos galheteiros, como confirmaram posteriormente as análises laboratoriais. Percebendo o que estava acontecendo, ele teve que interromper a celebração para denunciar o incidente à polícia local.

O bispo de Tropea-Mileto-Nicotera, dom Attilio Nostro, expressou a sua proximidade e denunciou as ações intimidatórias da máfia calabresa.

“A diocese passa por um momento de sofrimento devido a atos de intimidação que nada têm a ver com a vida cristã normal das paróquias. Por esta razão, apelo novamente às comunidades cristãs para que não desanimem com esta linguagem de violência. Não devemos ceder a esta lógica, deixando-nos tentar pelo desânimo e pela raiva. Não podemos aceitar esta linguagem, não devemos responder ao ódio com ódio, sabendo que não é possível dialogar verdadeiramente com aqueles que se recusam a fazê-lo”, disse num comunicado.

“Agradeço de coração às forças da lei e da ordem pelo profissionalismo com que estão nos ajudando e apoiando neste momento humanamente difícil, e também continuarei garantindo aos meus sacerdotes minha presença constante para que possam realizar seu valioso serviço em favor do Povo de Deus”, acrescentou dom Nostro.

O padre Francesco Pontoriero, também da mesma diocese, foi alvo de ameaças explícitas de morte nos últimos dias.

Ambos os clérigos foram atacados por causa de seu firme compromisso com a legalidade e a sua luta contra as máfias. No final do verão passado, o presidente italiano Sergio Mattarella, seguindo recomendação do Ministro do Interior, dissolveu a Câmara Municipal de Cessaniti, zona onde os dois padres ameaçados prestam o seu serviço pastoral, por causa da infiltração da máfia.

Fonte:ACI.digital

MAPA DO SITE

ONDE ENCONTRAR

PRAÇA PADRE JOÃO JANSEN - S/Nº
CEP: 86730-000 - ASTORGA - PARANÁ

HORÁRIO DE ATENDIMENTO DA SECRETARIA

SEGUNDA À SEXTA-FEIRA, DAS 8H ÀS 19H, SÁBADO DAS 8H ÀS 18H.

(44) 3234 - 1350
SANTUÁRIOASTORGA@DIOCESEDEAPUCARANA. COM.BR