fbpx

Beata Madalena Caterina Morano, virgem das Filhas de Maria Auxiliadora

Origens
Beata Madalena Caterina nasceu em Chieri, na região de Turim, Itália, no dia 15 de novembro de 1847. De uma família numerosa, é a sexta de oito filhos. Nos anos de 1855, seu pai faleceu quando já haviam falecido cinco de seus filhos, os irmãos de Madalena.

Juventude
Madalena, no mesmo ano de falecimento de seu pai, com apenas oito anos de idade, começou a trabalhar com o tear. Aos dez anos, sentiu o desejo de ser professora. Seu sonho se tornou realidade depois de cinco anos. O pároco de Buttigliera d’Asti abriu uma creche, e Madalena, com menos de quinze anos, foi contratada como professora.

O Desejo de ser Freira
Em 1877, Madalena confessou à mãe seu desejo de ser freira, mas, ao completar trinta anos, foi rejeitada tanto pelas Filhas da Caridade quanto pelos dominicanos. No ano seguinte, Dom Bosco a aceitou em sua Congregação, e, em 4 de setembro de 1879, emitiu a profissão religiosa das Filhas de Maria Auxiliadora.

“Pense como Jesus teria pensado. Ore como Jesus teria orado. Aja como Jesus teria agido” – Beata Madalena Caterina Morano

Grandes Obras
Com grande vontade e carisma, Beata Madalena Caterina fez grandes ações nas Filhas de Maria Auxiliadora. Assumiu cargos de responsabilidade e depois foi transferida para a Sicília. Em 26 anos de trabalho, fundou 19 casas salesianas, 12 oratórios, 6 escolas, 5 jardins de infância, 4 internatos, 3 escolas religiosas.

Páscoa
Beata Madalena Caterina Morano morreu em 26 de março de 1908. Ela foi beatificada, em 5 de novembro de 1994, pelo Papa João Paulo II.

Minha oração
“ Beata amiga de Maria Auxiliadora e seguidora de Dom Bosco, com sua consagração foste fiel aos desígnios divinos, rogai por nós, nossas necessidades materiais e espirituais. Ensina-nos a amar e seguir Jesus como tu fizeste. Amém.”

Beata Madalena Caterina Morano, rogai por nós!

Outros santos e beatos celebrados em 26 de março

  • Em Roma, junto à Via Labicana, São Cástulo, mártir. († data inc.)
  • Na Anatólia, na atual Turquia, os santos ManuelSabinoQuadrato e Teodósio, mártires. († data inc.)
  • Em Sirmium, na Panónia, hoje Sremska Mitrovica, na Sérvia, os santos mártires Montano, presbítero, e Máxima, esposos. († c. 304)
  • Comemoração da paixão de Santo Eutíquio, subdiácono de Alexandria. († 356)
  • Em Sebaste, na antiga Armênia, hoje Sivas, na Turquia, São Pedro, bispo.(† c. 391)
  • No mosteiro de Montier-en-Der, no território de Champagne, atualmente na França, São Bercário, primeiro abade de Hautvillers e de Montier-en-Der. († 685)
  • Em Montalbano, na Etrúria, hoje na Toscana, região da Itália, os santos Barôncio e Desidério, eremitas. († s. VII)
  • No mosteiro de Werden, na Saxónia, hoje na Alemanha, o passamento de São Ludgero, bispo. († 809)
  • Em Catânia, cidade da Sicília, na Itália, a Beata Madalena Catarina Morano, virgem do Instituto das Filhas de Maria Auxiliadora.  († 1908)

Fonte:cançãonova

00

MAPA DO SITE

ONDE ENCONTRAR

PRAÇA PADRE JOÃO JANSEN - S/Nº
CEP: 86730-000 - ASTORGA - PARANÁ

HORÁRIO DE ATENDIMENTO DA SECRETARIA

SEGUNDA À SEXTA-FEIRA, DAS 8H ÀS 19H, SÁBADO DAS 8H ÀS 18H.

(44) 3234 - 1350
SANTUÁRIOASTORGA@DIOCESEDEAPUCARANA. COM.BR