Santuário Astorga

Notícias

Crise na Venezuela: Impedem entrada de Bispo em hospital infantil

Posted on

Dom Tulio Ramirez, Bispo auxiliar de Caracas / Créditos: Twitter Oficial daerência Episcopal Venezuelana: @CEVmedios

CARACAS, 13 Mar. 19 / 02:30 pm (ACI).- Em meio ao apagão generalizado que a Venezuela está sofrendo, a polícia impediu Dom Tulio Ramírez, Bispo auxiliar de Caracas, de entrar com um grupo de médicos no Hospital Infantil de J.M. de los Ríos.

Os profissionais e o Prelado tentaram entrar no centro médico para saber sobre o estado de saúde dos menores no dia 10 de março, após a Missacelebrada na Igreja da Candelária, por ocasião do Dia do Médico.

No entanto, agentes das Forças Especiais da Polícia Nacional Bolivariana (FAES) impediram seu acesso.

Ver imagem no Twitter
Ver imagem no Twitter
Ver imagem no Twitter

CEV@CEVmedios

Después de la misa de la batas blancas en la Iglesia de la Candelaria, médicos junto a Mons. Tulio Ramirez, Obispo auxiliar de Caracas intentaron ingresar al Hospital J.M de los Rios, el acceso fue impedido por las autoridades que custodian el hospital.15919:18 – 10 de mar de 2019428 pessoas estão falando sobre issoInformações e privacidade no Twitter Ads

Vídeo incorporado

Indira Rojas@indirojas

Médicos en las puertas del Hospital JM de los Ríos, ayer #10Mar. Defendían los derechos de pacientes, madres y doctores. El obispo auxiliar de Caracas Tulio Ramírez bendijo a todos. “Incluso a los colectivos”, cuenta la doctora @correa_ch. Este es un video compartido por ella.12:19 – 11 de mar de 2019Veja outros Tweets de Indira RojasInformações e privacidade no Twitter Ads

O regime de Nicolás Maduro admitiu a morte de duas pessoas, que estavam internadas durante o corte de energia elétrica. No entanto, a oposição denunciou que foram registrados mais de 20 mortes.

Em declarações ao canal de TV VPItv, parentes das crianças que estavam no hospital indicaram que “tudo está escuro; não há luz desde a tarde de quinta-feira. Trouxeram três geradores e nenhum funcionou. Os pacientes não puderam fazer diálise devido à falta de luz. Não há água. Não há nada”.

Vídeo incorporado

VPItv@VPITV

#Ahora Situación en el hospital JM de los Ríos – Madres denuncian que no las dejan salir del hospital. Les dicen que si salen no entran y están desesperadas por sus bebes #10M #ApagonNacional38815:34 – 10 de mar de 20191.492 pessoas estão falando sobre issoInformações e privacidade no Twitter Ads

Além disso, expressaram que foram proibidos de sair do centro médico. “Se sairmos, não entraremos”, disseram.

Desde o dia 7 de março, a Venezuela sofre um apagão generalizado acompanhado em muitos lugares pela falta do serviço de água

Fonte/acidigital.com